Notícia


Assembleia Geral do Simno aborda qualificação dos profissionais do setor

Cursos sobre secagem de madeira e preenchimento do TCF acontecem nas próximas semanas


Publicado em 16 de Novembro de 2018
Por: Daniela Torezzan - Assessoria de Imprensa Simno

A 9ª Assembleia Geral ordinária do Sindicato das Indústrias Madeireiras e Moveleiras do Noroeste de Mato Grosso (Simno), realizada no último dia 7, em Juína, tratou de diversos assuntos de interesse do setor florestal. Entre os principais temas discutidos estão iniciativas que promovem a qualificação dos profissionais do setor, tanto na área gerencial quanto na técnica.

Neste sentido, o presidente do Simno, Paulo Augusto Veronese, falou de duas iniciativas em andamento. A primeira delas é o curso de secagem de madeira, que acontecerá entre os dias 26 a 30 deste mês, na sede do sindicato, com o objetivo de atender as exigências do mercado consumidor de madeira nativa tanto do Brasil quanto do exterior. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas diretamente no sindicato.

A segunda ação é resultante de um diálogo do presidente do Simno com a presidente do Ibama em Mato Grosso, Lívia Martins de Oliveira, a respeito das notificações administrativas relativa a auditagem de porte das empresas no Cadastro técnico federal (CTF). Algumas informações estão com incongruências, resultando nas notificações. Diante do cenário, Simno e Ibama combinaram de realizar, até dezembro, um curso para engenheiros e funcionários indicados pelas empresas associadas onde serão repassadas informações importantes para o correto preenchimento do CTF. “No cadastro existem algumas regras em por falta de conhecimento, algumas informações inseridas acabam sendo divergentes da realidade. Então, estamos buscando solucionar essa lacuna através de um treinamento ofertado por parte do Ibama e, assim, diminuir os problemas”, explicou Veronese.

Pautas nacionais

Durante a reunião, o presidente do Fórum Nacional da Atividades de Base Florestal (FNBF), Geraldo Bento, foi convidado para apresentar as pautas que estão sendo debatidas em nível nacional. Ele explicou que o Ibama elaborou, recentemente, um Decreto que autoriza a exploração do Pequiá somente em Planos de Manejo Florestal, ficando proibida no Plano de Exploração Florestal.

Outro assunto em discussão pelo FNBF é sobre a nomenclatura dos produtos florestais. A proposta debatida e defendida junto ao Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama), em Brasília, é fazer a junção de categorias já existentes, diminuindo os erros nas interpretações e facilitando a classificação praticada pelas indústrias.

Relação com a Sefaz-MT

Paulo Veronese falou das tratativas em andamento junto a Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz-MT), como a pauta da madeira, cuja prorrogação vence no final deste mês e deverá ser extinta na sequência, e ainda o decreto de exportação, que não foi alterado para deixar fora as exigências para as vendas diretas. Outro assunto foi sobre as notícias recentes da possibilidade de cancelamento do benefício fiscal para as empresas optantes pelo simples nacional. Sobre esse último tema, o presidente do Simno reforçou que o Cipem está empenhado em demonstrar o ganho de receita obtido pelo estado e impedir retrocessos na legislação.

Sisflora 2.0

O diretor executivo do Simno, Evaldo Oestreich Filho, repassou informações técnicas sobre o funcionamento do novo sistema, principalmente a necessidade de ter um representante operacional de extração e um responsável técnico de extração. Deixou claro a importância das empresas em colocar corretamente a descrição das atividades da empresa nas novas e renovações de Licenças de Operações (LO), uma vez que o sistema vai levar em consideração essa informação para operar de forma eficaz nas transações a serem realizadas. A implantação do Sisflora 2.0 deveria ocorrer até o final deste ano, mas a nova previsão é para janeiro de 2019.

Outros assuntos

Os associados também foram atualizados sobre a mudança na Fiemt, que passa ser presidida pelo empresário Gustavo Pinto Coelho de Oliveira, que ocupou a posição de vice-presidente na gestão de Jandir José Milan – que deixa o posto. Na oportunidade, os sindicatos também receberam novas caminhonetes, utilizadas no trabalho realizado.

O presidente do Simno, também comentou que participou da celebração do aniversário de quatro anos do SEBRAE em Juína, e que durante o evento foi apresentado o resultado do trabalho focado, principalmente, nas microempresas. Também disse que o Sebrae está criando um selo voltado para a economia local e fazendo uma parceria para reciclagem de materiais.

Início    |   Simno    |   Notícias    |   Fotos    |   Vídeos    |   Empresas    |   Downloads    |   Delegacias    |   Contato

Atendimento de Segunda a Sexta das
07:00 às 11:30 horas e das 13:00 às 17:30 horas.

Av. Floresta, Nº 484-N
Setor B - CEP: 78320-000

Juína - MT

Fones: (66) 3566-1698

E-mails:
Direção:
simnoexecutivo@gmail.com

Financeiro:
finansimno@gmail.com

Receba nossos editais em seu e-mails

SINDICATO DAS INDUSTRIAS MADEIREIRAS E MOVELEIRAS DO NOROESTE DO MATO GROSSO
Todos os Direitos Reservados 2014

Desenvolvidor e Hospedado por: